WALDIR COSTA — Rondônia unida contra aumento abusivo na conta de energia

0
56

Prefeito – As eleições a prefeito e a vereador de outubro do próximo ano estão distantes, mas há enorme mobilização em torno da sucessão do prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB), que deverá disputar a reeleição e também na maioria dos demais municípios. A disputa de prefeito e vereadores provoca uma participação maior do eleitorado, porque são eles que tratam diretamente com o povo, bem diferente dos cargos de presidente da República e governadores, além de senadores e deputados (federal e estadual), que ficam mais distantes do povo. Quanto menor o município maior é a importância do prefeito e do vereador.

Capital – Além da possibilidade de Hildon concorrer à reeleição em 2020, outros nomes já foram abordados na coluna envolvendo deputados federais e estaduais, que teriam condições de governar o mais importante município de Rondônia a partir de 2021. O médico Amado Rahal, que já comandou o Pronto Socorro João Paulo II e o Hospital de Base, com ótimo desempenho deverá disputar o cargo de prefeito de Porto Velho. Questionado diz que “é muito cedo para se falar nisso”, mas é nome qualificado e com muitas chances de sucesso na disputa pela prefeitura da capital. Quem viver verá…

Saúde – O vereador e ex-presidente da Câmara Municipal de Porto Velho, médico Maurício Carvalho (PSDB), está em Brasília acompanhando o prefeito Hildon Chaves em visita a vários ministérios. Cotado para assumir a secretaria de Saúde do município, pois é aliado do prefeito Hildon, Maurício descartou de forma definitiva a possibilidade de comandar a saúde pública da capital. Não há dúvida que o sistema de Saúde do município perde e o prefeito Hildon uma ótima oportunidade de ajustar um setor complexo.

Energia – O custo da energia elétrica em Rondônia é abusivo. Apesar de atender boa parte do país, graças à energia gerada pelas hidrelétricas de Jirau e Santo Antonio, no rio Madeira em Porto Velho, o consumidor do Estado recebeu aumento na conta de luz referente a fevereiro de 32%. Amanhã (14), a partir das 16h será realizado protesto em frente à sede da empresa Energisa (Ceron), em Porto Velho promovido pelo Conselho de Defesa do Consumidor de Rondônia (Condecon). O movimento também estará sendo realizado no interior do Estado, pois o povo está revoltado.

Brasília – A busca de recursos federais pelos prefeitos é intensa neste início de ano. O encontro do prefeito de Porto Velho Hildon Chaves com senadores e deputados da bancada federal de Rondônia, esta semana em Brasília, visa a busca de recursos extras para a capital. Os repasses do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) são garantidos constitucionalmente, por isso é fundamental levantar os recursos disponíveis nos diversos ministérios, elaborar projeto e acionar a bancada federal para garantir a liberação, mesmo que seja através de emendas parlamentares. Uma visita a Brasília a cada três meses é recomendável aos prefeitos dos municípios maiores.


Respingo

A vinda de presos ligados a lideranças do crime organizado para o presídio federal de Porto Velho preocupa a população da região. O temor é que a capital de Rondônia não sofra uma série de atentados como aconteceu recentemente em Fortaleza, onde o governo federal teve que intervir +++ A Banda do Vai Quem Quer, maior bloco carnavalesco do Norte do País oferecerá um café da manhã na sexta-feira (15), a partir das 9h, na sede da entidade na rua Joaquim Nabuco, no centro de Porto Velho. Siça Andrade, filha do saudoso e inigualável Manoel (Manelão) Mendonça, fundador da Banda estará apresentando a camiseta oficial e a marcha-tema para o desfile deste ano +++ O desfile da BVQQ ocorrerá na tarde do dia 2 de março com a largada na Praça das Caixas D’Água. Durante horas os foliões circulam pelas principais ruas do centro da capital esbanjando alegria e descontração.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

Ainda não há comentários, seja o primeiro.