Vacinação em idosos acima de 80 está acontecendo hoje (4) e amanhã (5) em Ji-Paraná

0
15
LUZIA JÚLIA DA SILVA, DO BAIRRO JARDIM PRESIDENCIAL, NÃO PRECISOU SAIR DE SEU VEÍCULO PARA RECEBER A VACINA

A Escola Estadual Rio Urupá, no Primeiro Distrito de Ji-Paraná, amanheceu nesta quinta-feira com uma fila de idosos no aguardo da abertura do portão, às 8 horas. O ponto de imunização adotou também o sistema de atendimento drive-thru (sem descer do carro) aos idosos impossibilitados de andar.

Aos 89 anos, Luzia Júlia da Silva, moradora do bairro Jardim Presidencial, não precisou sair de seu veículo para receber a dose da vacina produzida pela Universidade de Oxford em parceria com o laboratório AstraZeneca. “Em toda a minha vida nunca vi uma doença tão voraz se alastrar como essa. Felizmente, a vacina é a cura desse mal”, declarou Luzia Júlia.

Já a aposentada Irene Toro Pivoto, 83 anos, em viagem a Ji-Paraná, avalia que a vacina é tudo que a população precisa para enfrentar a pandemia que está trazendo muitas mortes. “É o fim do tempo de agonia”, disse ela, que é moradora de São Paulo, mas está visitando parentes na cidade.

Nesta sexta-feira (5) a vacinação dos idosos acima dos 80 continua em seis locais da cidade, que são quatro escolas na zona urbana (duas de cada lado da cidade, e uma em cada distrito). A imunização segue o plano estratégico municipal de atender 1.574 pessoas hoje e amanhã.

A aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 está ocorrendo em dois períodos, das 8h às 12h e  14h às 17h. 


No Primeiro distrito, os pontos de imunização são os seguintes: as escolas estaduais Rio Urupá e José Francisco. No 2º Distrito, os idosos devem se dirigir à escola estadual Aluízio Ferreira ou à escola municipal Adão Lamota. Já no Distrito de Nova Londrina a vacinação acontece na Escola Estadual Governador Jorge Teixeira e no Distrito de Nova Colina, na escola municipal Tupã.

“Os 79 idosos listados no grupo prioritário e residentes no Lar do Idoso Aurélio Bernardi já foram imunizados. Idosos acamados na própria residência também receberão a vacina. Neste caso, o agente comunitário de Saúde identifica esse público e o direciona a equipe de vacinadores da Prefeitura”, explicou o prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here