Cercado de belezas naturais, rios com grande diversidade de peixes, um ecossistema único e um patrimônio cultural incrível, Rondônia é um dos estados com grande potencial turístico do país. Porém, ainda há muito a ser feito para impulsionar o turismo na região.

Pensando nisso, o Sebrae em Rondônia atua com atividades de apoio a empresários do setor, como o programa Porto Velho Sport Fishing, levando em conta o potencial da capital neste segmento. Nessa quarta-feira (10) representantes do Sebrae e do Governo do Estado, por meio da Superintendência Estadual de Turismo (Setur) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) através do Programa de Fazenda Sustentável dos Municípios (Profaz) e parceiros, como a ABAV, Abrasel, ABIH, Fecomércio, entre outros,realizaram do I Fórum Internacional de Turismo, realizado no auditório do TCE em Porto Velho.

O Sebrae, somando com Governo do Estado, Tribunal de Contas e com parcerias como Fecomércio e várias entidades da sociedade civil ligadas ao movimento empresarial tomou esta iniciativa. O evento tem início  em Porto Velho, seguindo para Ariquemes e depois Cacoal”, comentou Daniel Pereira,diretor  superintendente do Sebrae em Rondônia.

O TCE é um dos organizadores do I Fórum Internacional de Turismo. “O Profaz é um programa de governança e modernização das fazendas públicas dos 52 municípios de Rondônia, idealizado pelo Tribunal. Ele possui quatro eixos, o fazendário, capacitação de pessoas, tecnologia da informação e pesquisa e o outro de justamente desenvolvimento sustentável ao qual se insere o turismo. O potencial turístico de Rondônia é fantástico, é inigualável em termos planetário, então, temos sim muita chance de receber turistas do mundo todo para desfrutar das nossas maravilhas da Amazônia.”, afirmou Benedito Antônio Alves, conselheiro do TCE/RO.

Para o prefeito de Guajará Mirim, Cícero Noronha, o Fórum é uma grande oportunidade para que os municípios cresçam e se desenvolvam com um turismo explorado de forma certa, alavancando a economia local. “O I Fórum Internacional de Turismo é fundamental, tendo em vista que Guajará é um dos 52 municípios com uma das principais vocações voltada ao turismo. Guajará Mirim tem a maior população indígena do estado, com maior fomento de fronteira, com grande número de áreas verdes intactas, então, o que o mundo busca, que é a Amazônia em sua plenitude, e Guajará é perfeito para isso. No verão temos várias praias fluviais, que vão de Guajará até o distrito de Supresa. Sem dúvida nosso município tem tudo para atrair turistas do mundo inteiro e, aqui nesse Fórum, vamos potencializar de forma segura esse setor”, acrescentou Cícero.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

Ainda não há comentários, seja o primeiro.