Comandados pelo delegado Arismar Araújo de Lima, equipes de policiais civis e militares localizaram ontem (19) o corpo de Oclécio da Cruz Almeida, principal suspeito de ter assassinado a própria companheira, Raissa Silva e o filho dela, uma criança de apenas cinco anos. Os corpos deles foram encontrados no começo da semana boiando em um rio (do menino) e próximo a uma ponte (da mulher), ambos em Castanheiras.

O delegado acredita que o criminoso possa ter se matado. O corpo dele foi encontrado em uma árvore em uma mata de Castanheiras. Pela região foram encontrados objetos pessoais da mãe e da criança.

Arismar afirmou que o caso será encerrado e não há indícios de participação de terceiros. Participaram das buscas policiais de Ji-Paraná, Cacoal, Alvorada do Oeste e Presidente Médici.

Em postagem no Facebook, o delegado explica as buscas.O vídeo pode ser visto clicando aqui



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here