Suspeito da PEDRADA que matou caminhoneiro em Vilhena se entrega

0
44

O caminhoneiro Willians Maciel Dias, 32 anos, conhecido como “Javali” se entregou na na Unidade Integrada de Segurança Pública (UNISP) de Vilhena.  Ele é apontado como o principal suspeito de ter matado, com uma pedrada no rosto, no dia 30 de maio, o também caminhoneiro José Batistela, de 70 anos. O crime chocou o Estado e repercutiu em todo o país.

Javali tinha mandado de prisão expedido contra si e era considerado foragido. Ele prestará depoimento acompanhado por seu advogado e deverá ser recolhido, caso não consiga reverter a decisão da Justiça.

 



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here