Senado aprova texto principal da reforma da Previdência em 2º turno

0
15
IMAGEM: ROQUE DE SÁ/AGÊNCIA SENADO

O Senado Federal aprovou, nesta terça-feira, 22, o segundo e último turno da reforma da Previdência  por 60 votos favoráveis a 19 contrários. Agora, a casa passa a apreciação dos destaques, para que o texto possa seguir para promulgação pelo próprio Congresso Nacional. O texto apresentado em fevereiro pelo presidente Jair Bolsonaro altera as regras de aposentadorias e outros benefícios previdenciários afim de buscar um equilíbrio nas contas públicas.

Dentre as alterações nas aposentadorias estão a fixação da idade mínima de 62 anos para as mulheres e 65 anos para os homens. Essas mudanças valem para trabalhadores que ainda irão entrar no mercado de trabalho. No caso de quem já está trabalhando, há cinco regras de transição para que o trabalhador se aposente antes da idade fixada. As mudanças valem tanto para quem está na iniciativa privada quanto para servidores públicos.

A proposta tem potencial de gerar uma economia de R$ 800 bilhões em dez anos, segundo cálculo atual do Ministério da Economia. A meta inicial do ministro Paulo Guedes era garantir economia de R$ 1 trilhão em dez anos, mas o texto sofreu várias modificações durante as discussões no Parlamento.

A reforma ainda precisa ser promulgada pelo Congresso Nacional para entrar em vigor. A expectativa é que isso ocorra em uma sessão especial a ser agendada, com a presença de Bolsonaro e também do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Ainda não há data definida para isso.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

Ainda não há comentários, seja o primeiro.