Seminário vai debater implantação de Polo Agroindustrial Tecnológico em Ji-Paraná

0
73

Texto: Jane Carla

Com potencial produtivo ao agronegócio, localização geográfica centralizada e avanços na instalação de indústrias, a região de Ji-Paraná pode se tornar referência com a implantação do primeiro Polo Agroindustrial Tecnológico de Rondônia. A viabilidade desse projeto será debatida no ‘Seminário Regional em Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Sustentável’, que acontece a partir das 13h30 deste dia 22, na Faculdade Panamericana de Ji-Paraná (Unijipa).

O evento é promovido pelo governo estadual sob a coordenação da Secretaria  do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), Superintendência de Desenvolvimento de Rondônia (Suder) e empresários da região.

“Com isso espera-se motivar a indústria e o comércio local na busca de novas tecnologias, com vistas à sua competitividade em nível nacional, melhorando e aumentando sua produção e produtividade. Isto irá refletir no incremento à circulação de valores na economia local e no aumento da receita estadual”, explicou o titular da Sepog, George Braga.

Serão debatidos temas, como “A influência da Tecnologia nos Negócios Atuais”, “Estratégias de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável”, “Planejamento do Desenvolvimento de Cadeias Produtivas na Região Central de Rondônia”, “Startups e Inovação: a solução para o desenvolvimento sustentável na região Central de Rondônia”; e “Estruturas Aglomerativas, Incubadoras e Parques Tecnológicos”.


Para o secretário executivo regional de Ji-Paraná, Romildo Pereira, com a implantação do polo será possível alcançar o desenvolvimento regional de maneira sustentável, por meio da implantação de incubadoras que irão capacitar as empresas a fazerem uso das mais novas e modernas tecnologias disponíveis no mercado, tornando-as competitivas nacionalmente.

O seminário será realizado em parceria com as Secretarias Estaduais da Agricultura (Seagri), Desenvolvimento Ambiental (Sedam), Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e a Fundação de Amparo à Pesquisa de Rondônia (Fapero).

 

Fonte

Fotos: Jeferson Mota
Secom – Governo de Rondônia



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here