Semas convoca usuários do BPC para recadastramento

Quem não tomar a providência terá o benefício suspenso e o prazo para recuperá-lo é indefinido

0
211

O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário e o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) já alteraram as regras do Benefício de Prestação Continuada (BPC). A medida simplifica a vida do cidadão que não precisa mais ir a um posto da Previdência para requerer o benefício e sim no Centro de Referência Especializada em Assistência Social (Creas).

O benefício garante o pagamento de um salário mínimo a idosos com 65 anos ou mais que não contribuíram com a previdência social e que comprovem que não podem se sustentar ou de ser sustentado pela família.

Porém, para que continuar a receber o auxílio é preciso requerer a providência. Segundo Rogério Crivelaro, da Secretaria Municipal de Assistência Social de Ji-Paraná (Semas) as pessoas que estão nesta situação deverão fazer sua atualização cadastral, porque se ele for suspenso não haverá prazo previsto para liberação.

“Queremos avisar todos os beneficiários do BPC Idoso que, se não fizerem a sua atualização cadastral terão seu benefício suspenso. Então pedimos à população que caso tenham algum parente, algum familiar no caso que recebe o benefício e que não tem o cadastro; ou que o cadastro e esteja vencido, que nos procurem com urgência, porque corre o sério risco de ter o benefício suspenso”, declara o técnico da prefeitura.

Reveja matéria da Rede TV de Ji-Paraná a respeito do assunto:




CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here