Rondônia terá pico de Covid-19 em junho, aponta estudo da Unir

0
58

Uma pesquisa realizada pela Universidade Federal de Rondônia (Unir) aponta que o pico da pandemia do novo coronavírus no estado deve ocorrer no início em junho. As projeções são feitas por professores dos cursos de matemática e de medicina da instituição.

Segundo os professores Tomás Daniel e Ana Lúcia Escobar, as projeções estão sendo acompanhadas pelos dados divulgados nos boletins da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau). O estudo, que foi publicado no portal da Unir, diz que 20% da população do estado já pode ter sido infectada em meados de junho, quando os registros de novos casos deverão ficar estáveis. Isso representa cerca de 330 mil pessoas. A previsão é que os números comecem a cair em agosto.

“Depois disso começa a reduzir a quantidade diária de pessoas infectadas”, prevê a professora Ana. Os pesquisadores dizem que aglomerações, como os famosos “coronafestas” foram causadores da propagação do vírus nas últimas semanas. Eles também destacam características próprias do estado que devem fazer a epidemia ter um comportamento diferente em Rondônia.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here