Projeto de lei do deputado estadual Airton Gurgacz (PDT), institui a campanha contra o tráfico de pessoas em Rondônia, com base no que é desenvolvido pela Organização das Nações Unidas (ONU) com o “Coração Azul”, ação promovida em todo o mundo. A proposta do parlamentar é tornar mais sistemático o combate ao tráfico de humanos em todo o Estado.

Segundo entidades de proteção humana o tráfico de pessoas é um dos crimes mais torpes, vitimando crianças, adolescentes e servindo, principalmente, para exploração sexual e tráfico de órgãos.

Airton Gurgacz frisou ainda que de acordo com estatísticas oficiais da ONU, cerca de dois milhões de pessoas são vítimas dessa prática criminosa em todo o mundo.

SEGUNDO O DEPUTADO
BRASIL ESTÁ NA RODA INTERNACIONAL DO TRÁFICO

O deputado lembra que o Brasil, apesar de não ter números expressivos divulgados, está na rota internacional do tráfico e que a população necessita de uma maior conscientização sobre o fato.

DIGNIDADE — A campanha “Coração Azul” representa a tristeza das vítimas do tráfico humano e lembra a insensibilidade daqueles que compram e vendem outros seres humanos. O uso da cor azul das nações unidas também demonstra o compromisso da organização com a luta contra esse crime que atenta contra a dignidade humana.


As atividades em todo o mundo são intensificadas no mês de julho, tendo em vista que dia 30 é a data instituída pela ONU como Dia Mundial de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, quando vários países se mobilizam.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here