Reunião realizada em Porto Velho entre o Governador Marcos Rocha (PSL), o Senador Acir Gurgacz (PDT), Prefeito Marcito Pinto (PDT) e Coronel Meireles, diretor geral do DER-RO, tratou de três importantes projetos estruturais da cidade de Ji-Paraná que estão paralisados: pavimentação da linha Itapirema, conclusão da interligação da adutora da Caerd e o esgotamento sanitário.

Quanto as obras de instalação de cerca de 200 metros que faltam para concluir a interligação da adutora da Caerd no segundo distrito, o Governador garantiu a sequência das obras. Falta apenas a instalação do trecho que compreende da Rua T-1, passando pela Avenida Maringá até a rua Dr José Geraldo com a rua Dr. Fiel. Com a finalização desta interligação o abastecimento de água tratada para o segundo distrito será ampliado em mais de 40 %.

“É uma situação que sempre tem causado transtorno a população e que nós estamos tentando solucionar de forma definitiva. Na tarde de ontem foram concluídas as instalações da tubulação de 500 milímetros na cabeceira da ponte no primeiro distrito, é um passo importante. Agora falta a conclusão da interligação no segundo distrito”, lembrou o Prefeito Marcito.


Sobre as obras do Esgotamento Sanitário, o Governador informou que a equipe de fiscalização das obras do PAC, nas quais está inserida o Esgotamento de Ji-Paraná, deverá iniciar os trabalhos nos próximos dias. A obra está com recursos garantidos e está orçada em mais de R$ 180 milhões.

“São investimentos essenciais para cidade de Ji-Paraná, que irão beneficiar toda a população refletindo diretamente na melhora dos índices de saúde de todos os moradores. É uma obra que contempla desde o recebimento das cargas poluentes, tratamento e a devolução da água tratada em níveis ambientais aceitáveis”, comentou o Senador Acir.

Já o projeto de pavimentação da linha Itapirema, o diretor Geral do DER-RO, Coronel Meireles, informou que o projeto está sob análise da equipe técnica do órgão e que nos próximos dias terá uma posição sobre a continuidade dos serviços.

Marcito explicou que a execução do projeto de pavimentação da linha Itapirema possuem responsabilidades do Governo Federal, da Prefeitura e do Governo Estadual, já que a obra prevê a execução em parceria entre os três poderes. “Uma boa parte dos serviços já foram executados, como a construção de bueiros e a preparação do solo com serviços de drenagens. Porém, ainda falta o principal, que é a pavimentação”, explicou Marcito. 



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

Ainda não há comentários, seja o primeiro.