Projeto voltado a reeducandos é lançado em Presidente Médici

0
15

Mais de 60 reeducandos que cumprem pena nos regimes aberto e semiaberto nos municípios de Presidente Médici e Castanheiras participarão de reuniões e rodas de conversa no projeto Reescrevendo uma História. As discussões, que têm como objetivo a aproximação com a sociedade, terão temas variados para trabalhar autoestima e reforçar a cidadania.

Segundo a magistrada idealizadora do projeto, Márcia Adriana Araújo de Freitas a ideia é envolver vários segmentos da sociedade na ressocialização. “O Judiciário precisa servir de ponte para conexão entre reeducandos e a sociedade, propiciando àqueles cuidado e incentivo, formando o senso de que são humanos e que têm responsabilidade sobre a própria vida, podendo, portanto, reescrever a própria história”, explica a magistrada.

O projeto será executado pelo Núcleo Psicossocial da Comarca de Presidente Médici, que está buscando parcerias com associações comerciais e órgãos públicos, que poderão contribuir apresentando seus serviços. “Os reeducandos que estão voltando para a sociedade podem buscar um novo caminho, e, para isso, precisam desse apoio”, explica a assistente social Angélica Grazieli Silva.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

Ainda não há comentários, seja o primeiro.