Fundação Cultural precisa de fotos antigas para reforma do Museu das Comunicações

Entidade está precisando de imagens antigas, porque a obra., por força de lei, precisa manter as características originais do prédio

0
21

O presidente da Fundação Cultural de Ji-Paraná (FCJP), Paulo Sérgio Rodrigues, mais conhecido como ‘Serginho Alquimia’, visitou a obra de restauração do Museu das Comunicações Marechal Rondon, no Primeiro Distrito do município.

O prédio foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), que consentiu na reforma simplificada do museu. Como é considerado patrimônio histórico nacional, o Museu das Comunicações não pode ter as características originais alteradas.

“Nós estamos com o Museu das Comunicações em reforma. Estamos correndo atrás, a respeito das originalidades do local. Hoje, estamos quebrando a cabeça, para saber onde vamos encontrar as telhas, se têm pessoas que fazem, pois trata-se de um modelo de telha muito antigo”, explicou Serginho Alquimia.

Para restaurar o prédio com o máximo de fidelidade ao projeto original, o presidente da FCJP está convocando pioneiros do município, que possam ajudar com fotos do Museu das Comunicações ou com lembranças de como era a edificação que tem mais de 100 anos de história.

“Estou procurando alguns pioneiros do município, que tenham memórias e fotografias guardadas, para que a gente consiga manter o nosso museu totalmente original, assim como era antes”, detalhou Serginho. Ele acrescentou que quem possuir tais imagens pode ligar para a Fundação Cultural no telefone 3422-8848. Um funcionário  se encarregará de ir até a residência do cidadão retirar o material


Por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), as visitações ao Museu das Comunicações já estavam suspensas, antes mesmo do início da obra de revitalização do prédio. Estão sendo restaurados os sistemas hidráulico e elétrico e o madeiramento do piso e teto, além da pintura externa e interna.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here