Prefeitor e vice de Rolim de Moura continuam nos cargos

0
36

Cassados no mês de julho por unanimidade pelo Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia (TRE) de Rondônia, o prefeito de Rolim de Moura, Luiz Ademir Schock, e seu vice, Fabrício Melo de Almeida ainda continuam nos cargos.

Os dois foram cassados por doações de recursos por pessoas que não detinham capacidades financeiras, omissão de receitas e despesas, bem como pagamentos de despesas de campanhas realizados por pessoas jurídicas.

A decisão do dia 12 foi referendada pelo TRE em julgamento no dia 23 de agosto e publicada no dia 30 afirmando que o que foi decidido pelo plenário tem efeito imediato, a dupla deveria ser afastada imediatamente e seriam convocadas novas eleições. Desde então, nem o Ministério Público Eleitoral (MPE) ou mesmo o TRE agiram para determinar o afastamento dos dois políticos.

No TRE, o sistema de acompanhamento processual não apresenta nenhum recurso com efeito suspensivo, significando que a decisão de afastamento é válida.
No Portal da Transparência, desde o dia seguinte a cassação do prefeito, a Prefeitura já gastou recursos da ordem de R$ 6.193.613,90.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here