Porto Velho vai continuar na fase mais radical do distanciamento social ampliado

0
15

O secretário de Estado da Saúde, Fernando Máximo, informou durante coletiva realizada nesta quinta-feira (28), que Porto Velho ainda não está em condições de sair da primeira fase das medidas de distanciamento social ampliado, implementadas em Rondônia. O avanço dos casos de Coronavírus na cidade é um dos motivos.

As medidas foram construídas baseadas nas taxas de ocupação de leitos. Elas foram divididas em 4 fases: 1- distanciamento social ampliado; 2 – distanciamento social seletivo; 3- abertura comercial seletiva e 4- abertura comercial ampliada e prevenção continuada. Porto Velho e Guajará-Mirim, estão na primeira fase.

Ontem estava programada a divulgação de uma avaliação dos primeiros 14 dias da implantação do distanciamento social. Havia a expectativa, por parte dos empresários, que a Capital subisse para a fase 2 com a abertura inclusive do shopping center

Ariquemes chegou a ficar na primeira fase, mas segundo o secretário o município cumpriu alguns pré-requisitos, como por exemplo, criação de leitos de UTI e voltou para a fase três.

De acordo com Fernando Máximo, Porto Velho, ainda está montando estrutura para o enfrentamento da Covid-19. “O número de casos confirmados de Covid-19 infelizmente vem aumentando muito rápido, a taxa de internação em UTI também é muito alta, por tanto, ainda não há possibilidade de mudar de fase. Mas a expectativa é que com a criação de novos leitos, conforme estão previstos para os próximos dias, se houver uma redução na taxa de ocupação de leitos de UTI, a Capital pode mudar de fase, assim como os demais municípios, desde que cumpram todos os pré-requisitos do decreto”, explicou.




CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here