Polícias fazem alerta e pedem que cidadãos não compartilhem vídeos “fake” de facções

0
42

Após o pânico causado em Vilhena pela divulgação de um vídeo com supostas ameaças do PCC, que estaria planejando atentados contra escolas públicas da cidade, duas instituições de segurança pública emitiram nota para tranquilizar a população local.

Um site de Vilhena já havia alertado para a histeria provocada pelo material, entrevistando dois policiais, que descartaram a possibilidade dos ataques e apontaram indícios de adulteração do vídeo.

Abaixo, na íntegra, as explicações e alertas das polícia Civil e Militar, manifestadas em nota conjunta assinada pelos chefes das duas corporações:

NOTA À IMPRENSA

Em razão das notícias divulgadas e compartilhadas em redes sociais sobre um possível ataque de facções criminosas em escolas em Vilhena, a Delegacia Regional de Polícia Civil de Vilhena e o 3º Batalhão de Polícia Militar esclarecem que ambas instituições policiais estão empenhadas para apurar a autoria e propagação do material em questão.


Até o presente momento, não existem evidências de que as informações contidas no material compartilhado em redes sociais sejam verdadeiras. Indícios apontam para uma falsa situação criada apenas para causar desordem social.

Orientamos a população vilhenense para evite compartilhar esse boato ou outros do mesmo gênero sem antes confirmarem junto as autoridades a sua veracidade, haja vista que tal propagação pode gerar alarde desnecessário e até causar transtornos ao cotidiano dos munícipes.

Ressaltamos que todo o efetivo policial vilhenense continua trabalhando diuturnamente com ações preventivas e repressivas para garantir segurança a todos os munícipes.

Vilhena, 26 de março de 2019.

DIEGO BATISTA CARVALHO – CAP PM
Comandante do 3º BPM

FÁBIO HENRIQUE F. CAMPOS
Delegado Regional Vilhena



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here