Uma manifestação pública organizada pelo Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Ji-Paraná, e pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Rondônia (Fetagro), percorreu as ruas do Primeiro Distrito, hoje pela manhã (7). A passeata saiu de frente ao prédio do INSS e terminou na Câmara Municipal. Os participantes do movimento, cerca 150 pessoas, bradavam palavras de ordem, vestiam camisetas e ostentavam muitas faixas, tudo contra a retirada de direitos das trabalhadoras rurais, proposta na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287, que está na pauta para ser votada no Congresso Nacional.

“Esta é uma atividade alusiva ao 8 de março, que é o dia Internacional da Mulher [data comemorada amanhã, quarta-feira]. Na verdade é um mês inteiro de luta contra a reforma da previdência que traz o tema “Margarida na luta contra a reforma da previdência — Retirar direitos das mulheres também é violência“, declarou Creonice Vilarin, secretária de Meio Ambiente da Fetagro. Segundo ela, é preciso ampliar os direitos femininos e não retirá-los, “direitos que foram conquistados com muitas lutas nas últimas décadas”.

Depois da passeata, os manifestantes ocuparam assentos no plenário da Câmara Municipal e passaram a acompanhar a sessão ordinária dos vereadores. Ouça a seguir a entrevista exclusiva ao REPÓRTER RO de Creonice Vilarin, secretária de MeioA Ambiente da Fetagro, que explicou os fundamentos deste movimento público de luta pelos direitos da mulher:

 

Veja as imagens da passeata:




CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here