Mais 11 detentos conseguiram escapar um presídio em Porto Velho. Desta vez, os apenados fugiram do Edvan Mariano Rosendo (Panda) usando cordas para passar por cima dos muros, próximo das guaritas que estão sem fiscalização. 

Os presos estavam nas celas E-10 e F-5 e as grades foram encontradas cerradas pelos agentes penitenciários. Dois servidores perceberam a fuga logo após a entrega da comida, na manhã desta quarta-feira (3). Em cada cela, ficou apenas um apenado. Mesmo com imagens de câmeras de segurança, os agentes não conseguiram identificar como os presos saíram, devido às péssimas condições de luminosidade e o alcance da câmera não alcançar o trajeto dos presidiários. 

Durante a fiscalização, foram ainda encontradas cordas que os presos usaram para escalar o muro. No momento da fuga, havia 15 servidores de plantão.

Conforme o Sindicato dos Agentes Penitenciários de Rondônia (Singeperon), após o governo de Rondônia retirar os policiais militares da reserva remunerada que cuidavam das guaritas externas dos presídios, houve um considerado aumento de fugas de presos em diversas unidades do estado, principalmente na cidade de Porto Velho.

No último dia 31 de março, 28 apenadas escaparam do Presídio Ênio Pinheiro. A Sejus confirmou a fuga, mas não detalhou como os presos tinham conseguido escapar e nem quantos foram recapturados.


A fiscalização das guaritas, segundo o Sindicato, é “atribuição da Polícia Militar conforme decreto Lei 09 A de 09/09/82, art. 2ºm VIII de segurança externo. E ainda conforme Lei 1053, 22 de fevereiro 2002, art. 4° parágrafo único, inciso II”. 

O Singeperon diz ainda que em novembro de 2018, “solicitou providências urgentes, no sentido de determinar ao coordenador geral que providenciasse que todos os policiais da reserva remunerada lotados nas unidades e sedes administrativas da Sejus, para ocuparem as guaritas dos presídios, suprindo a real necessidade de segurança externa dos presídios”.

Questionada pelo Rondoniagora mais uma vez, a Secretaria de Estado de Justiça (Sejus) não se manifestou sobre o caso. 

Confira a lista dos presos que fugiram:
RAYAN VERISSIMO DE OLIVEIRA; 
WENDEL JUNIOR DA SILVA VIDAL; 
RAFAEL DOAN SOUZA COUTINHO; 
GLAUCON MELO DE CARVALHO; 
JOSE CARLOS GOMES OU GEORGE DOS SANTOS DINIZ; 
ROSBERG SILVA PINTO; 
SANDRO LUCIO LIMA; 
MATHEUS HENRIQUE SILVA NEPOMUCENO.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here