Morre o empresário Luiz Malheiros Tourinho, do jornal Alto Madeira

0
88

O jornalismo rondoniense está de luto. Faleceu às 5h30  desta terça–feira (27), numa clínica particular da capital, o jornalista e empresário Luiz Malheiros Tourinho, vítima de falência múltipla de órgãos. Ele era sócio fundador do jornal ‘Alto Madeira’, que completou 100 anos de existência no último dia 15 de abril, dedicando grande parte de sua vida a esta publicação.

Nascido em Campo Grande (MS) estava com 82 anos de idade e fixou residência em Porto Velho há mais de 70. Na juventude foi líder da União dos Estudantes Secundaristas do Guaporé e um dos editores do jornal ‘O Estudante’, noticioso dirigido ao público jovem, iniciando aí sua ligação com o jornalismo.

Aos 31 anos, já formado em Direito, elegeu-se presidente da Associação Comercial de Rondônia e depois, integrado à defesa dos interesses dos órgãos geradores de emprego e renda, participou ativamente da criação e funcionamento da Federação das Associações Comerciais de Rondônia, coordenando vários eventos do setor e um dos fundadores, e depois presidente, da Federação do Comércio.

Ao longo de sua vida ele ocupou ainda a função de juiz classista e dentre outras atividades, fundou a Fecomércio e atuou em entidades como Fiero e Faperon durante o governo de Jorge Teixeira.

Tourinho foi um dos responsáveis pela disseminação do sistema “S” na capital e interior do Estado, atuando na prestação de serviço social aos trabalhadores do comércio, indústria e da agricultura e foi também o primeiro presidente do SEBRAE.


Nos últimos anos dedicava-se à função de diretor-superintendente do jornal ‘Alto Madeira’. Luiz Tourinho deixa a esposa Lígia Serrano Tourinho, com quem teve quatro filhos, dos quais três ainda vivos.

O velório está sendo realizado desde 14 horas na Funerária Angelus, na Avenida Amazonas esquina da Rua 1, Agenor de Carvalho.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here