É hexa, é hexa!!! Ji-Paraná vence Dia do Desafio pelo sexto ano CONSECUTIVO

0
34

A cidade de Ji-Paraná venceu pelo sexto ano consecutivo o Dia do Desafio, realizado em todo o Brasil, no dia 30 de maio pelo Sesc. O dia de luta contra o sedentarismo movimentou cidades em todas as Américas numa competição divertida de estimulo à prática da educação física.

A prefeitura de Ji-Paraná, através da Secretaria Municipal de Esportes e Turismo (Semetur) e parceiros, envolveu 22% da população nas atividades do Dia do Desafio. Foram 29.253 participantes que em algum momento do dia realizou uma atividade física individual ou em grupo, em escolas, empresas, academias e nas praças esportivas.

Já a adversária de Ji-Paraná, a cidade mexicana de San Luis de La Paz envolveu apenas  3% da população (4.074).

O PREFEITO DE JI-PARANÁ, Marcito Pinto (PDT), comemorou o resultado e agradeceu a participação  dos munícipes e, especialmente os servidores municipais que realizaram atividades físicas em todas as repartições da prefeitura.

TAMBÉM SE EXERCITARAM NO GINÁSIO GERIVALDÃO

A Secretária Municipal de Esportes, Seloi Totti, ressaltou que em virtude da greve dos caminhoneiros, o número de participantes foi menor este ano, em relação ao ano passado.  “Com as universidades fechadas perdemos um importante apoio, dos acadêmicos, compensados pelo empenho e dedicação dos servidores da Semetur”, disse Totti.

O Dia do Desafio foi movimentado em repartições públicas, empresas, academias e finalizado no Ginásio de Esportes Gerivaldo José de Souza com as finais do JEM’s. “Esperamos retornar ao patamar de 25% de envolvimento já no próximo ano”, desafiou Seloi.

A secretária lembrou o novo regulamento do Sesc onde os municípios sorteados este ano vão se enfrentar por três anos seguidos. Assim, Ji-Paraná vai desafiar a cidade mexicana no Dia do Desafio de 2019. Este evento acontece todos os anos, na última quarta-feira de maio. Pela primeira vez em 2018, todos os municípios de Rondônia participaram do Dia do Desafio, tornando o Estado o primeiro da Federação a ter 100% de participação.

Ainda não há comentários, seja o primeiro.