Ji-Paraná cumpre metas e ganha carro da Agevisa

0
55
UM FIAT PALIO FOI O PRÊMIO CONCEDIDO À VIGILÂNCIA SANITÁRIA DE JI-PARANÁ

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Divisão de Vigilância Sanitária, foi premiada hoje com um veículo zero quilômetro. A equipe de Vigilância cumpriu todas as metas estabelecidas pela Agência Estadual de Vigilância em Saúde de Rondônia (Agevisa) e ainda conseguiu ampliar as áreas de atuação no município. Foram ações na radiologia, indústrias, distribuição de medicamentos, laboratórios e serviços de diagnóstico de imagem.

A mudança possibilitou agilidade e economia para o contribuinte que precisa dos serviços de inspeção e orientação da Vigilância Sanitária. Além disso, o município vem cumprindo metas estabelecidas pelo Governo do Estado, com o objetivo de contribuir para a redução dos riscos à saúde, fortalecendo a promoção e proteção da saúde da população.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Renato Fuverki, a Vigilância tem feito um trabalho exemplar em Ji-Paraná. “Nossas equipes estão fazendo aquilo que é obrigação, não permitindo abusos e ao mesmo tempo respeitando o contribuinte. Sendo assim, as metas estão sendo atingidas. Isso é a prova de que estamos fazendo um trabalho eficiente. A gente espera que outras premiações venham, pois temos qualificado nossos servidores e atingindo 100% das metas estabelecidas pelo Estado, tanto na Vigilância Sanitária como em toda a Vigilância em Saúde”, esclareceu o secretário.

A diretora da Divisão de Vigilância Sanitária, Ana Maria Santos Forte, explicou que a premiação da Agevisa foi estabelecida pelo Estado, para motivar os municípios a melhorar cada vez mais a execução dos serviços da Vigilância. “Ji-Paraná tem se destacado. Estamos quebrando aquele paradigma de que a Divisão existe só para fiscalizar e multar. Nós estamos fazendo um trabalhado que vai além da prevenção. Estamos também promovendo a saúde, gerando bem estar e educando a população”, acrescentou a diretora.

O MOMENTO DA ENTREGA DAS CHAVES AO SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SAÚDE RENATO FUVERK

Ainda não há comentários, seja o primeiro.