Na Câmara Jesualdo reafirma que 2017 foi muito bom para Ji-Paraná

0
48

Na manhã desta quinta-feira (15), a Sessão Ordinária que deu início aos trabalhos da 9ª Legislatura da Câmara de Vereadores de Ji-Paraná, contou com a participação do prefeito municipal Jesualdo Pires. Nesta ocasião ele apresentou, além da tradicional mensagem anual aos legisladores, um balanço com as principais ações do ano de 2017, como também as projeções e metas para o ano de 2018.

Jesualdo agradeceu o empenho da Câmara em trazer  para o Executivo as demandas da sociedade e enalteceu que mais de 70% das emendas que chegam aos cofres municipais é devido ao trabalho de articulação política realizado pelos vereadores da cidade.

JESUALDO PIRES: RITMO FORTE CONTINUA EM 2018

Dentre as ações que mereceram destaque pelo administrador estão: 1) O desenvolvimento econômico da cidade, especialmente com a geração de novos postos de trabalho, que devido a instalação de grandes empreendimentos privados; e 2) Diversas obras públicas em andamento, fechou o ano de 2017 entre as 50 cidades brasileiras que mais geraram empregos com carteira assinada.

ADMINISTRAÇÃO BEM AVALIADA — Os avanços na gestão dos recursos públicos também foram destaque da fala de Jesualdo, uma vez que a cidade lidera o ranking em Rondônia do Conselho Federal de Administração (CFA) que avalia os índices de gestão nas administrações públicas municipais.

NOTA 10 — Outro ponto destacado pelo chefe do executivo foi a obtenção de nota 10 pela Controladoria Geral da União no Ranking Transparência Brasil que avalia a aplicação dos recursos públicos e disponibilidade de informações ao cidadão.


CONCEITO ‘A’ NA SAÚDE— O prefeito ressaltou, ainda, a aprovação da cidade pelo Ministério da Saúde para a implantação do curso de medicina, para o qual todos os requisitos necessários foram admitidos com boas notas pela avaliação técnica. Jesualdo salientou o fato de a saúde municipal ter sido a única de Rondônia a receber nota “A” na avaliação do Tribunal de Contas da União pelo índice de efetividade da gestão de saúde.

INFRA-ESTRUTURA EM 2017 — Quanto às obras de infraestrutura urbana, a gestão municipal fechou o ano de 2017 com muitos itens positivos, como por exemplo: 1) Ter atingido a marca de 100 quilômetros de vias pavimentadas e 30 quilômetros de recapeamento (Soma de quilômetros executados de 2013); 2) A reforma e a re-estruturação de 30 escolas reformadas e reestruturadas; 3) Ter entregues três novas escolas; 4) A reformada de todas as unidades básicas de saúde; 5) Ter construído  galerias ao longo da BR-364 nas quais foram investidos mais de R$ 6,3 milhões; 6)  A reforma de todos os prédios da rede de Assistência Social;  7) A construção de uma casa de acolhimento; e 8) Ter investidos de mais de R$ 4 milhões para implantação do Centro de Imagens do Hospital Municipal com a aquisição de raio-x, tomógrafo, arco cirúrgico, eletrocefalograma, respiradores mecânicos, aparelho de ultrassonografia, aspiradores de secreções e  ventiladores pulmonares.

OBRAS EM ANDAMENTO — Segundo o prefeito elas são mais de 50 neste momento. Entre as principais, Jesualdo citou a construção de oito novas escolas municipais, reforma de outras duas escolas, o centro de reabilitação, um oficina ortopédica, construção da UPA 24 horas, dois postos de saúde,  ampliação do Hospital Municipal onde estão em andamento a construção de dez leitos de UTI, centro de diagnóstico, ampliação da cozinha e do refeitório, ampliação da Geriatria, ampliação dos ambulatórios, construção de um laboratório de análises clínicas, construção do Pronto-Socorro Infantil e da ala administrativa.

ATUAÇÃO EM 2018 — O prefeito ressaltou que continuará com os projetos de pavimentação onde diversas ruas deverão receber pavimento. O programa de substituição de pontes de madeira por galerias de concreto e tubos será intensificado, especialmente na área rural. Serão sorteados nos próximos meses as 600 casas do Residencial Rondon e, ainda neste ano, deverão ser entregues os dois residenciais, o Rondon e o Morar Melhor II.

MAIS OBRAS PARA 2018 — Jesualdo anunciou ainda que as escolas em construção deverão ser todas entregues até o segundo semestre; que o Feirão do Produtor já nos próximos dias terá sua reforma concluída; que as obras de ampliação da rede de água tratada e troca das adutoras deverão ser entregues entre os meses de junho e julho; e que a licitação das obras do esgotamento sanitário para 100% da cidade já foi realizada, tendo como empresa vencedora a empresa Gaspar S/A, do Rio Grande do Norte. A obra está orçada em mais de R$ 180 milhões.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here