Uma jovem de 22 anos passou por momentos de apuros na noite desta terça-feira (11) durante uma tentativa de assalto. Ela chegava em casa, no Bairro Aponiã, em Porto Velho, quando foi abordada por um criminoso armado. O inusitado é que ela conseguiu desarmar e atirar contra o bandido.

A vítima contou aos policiais que desceu do carro para abrir o portão de sua casa quando o criminoso apareceu muito nervoso, a obrigando-a entrar novamente no veículo. Em seguida, ele tomou o volante e começou a dirigir pelas ruas do bairro exigindo o celular dela e perguntando se o carro tinha rastreador. A mulher foi agredida com tapas nestes momentos.

Durante o percurso o criminoso falava que iria matá-la e jogar o corpo em um matagal. Temendo pela vida, a mulher reagiu ao perceber um descuido do bandido, tomou a arma que ele deixou no banco e atirou contra ele. O tiro acabou acertando o celular dela que já estava no bolso do criminoso.

Com o tiro, o homem perdeu o controle do veículo, bateu na calçada e fugiu correndo pela rua. Populares ouviram o barulho do tiro e saíram para ver o que estava acontecendo e perceberam que a vítima ainda estava dentro do carro.  A Polícia Militar foi acionada e constatou que a arma era de pressão adaptada para munição de calibre 22. O caso foi registrado no 2º DP. O bandido ainda está perseguido pelos policiais e não foi preso até o momento.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

Ainda não há comentários, seja o primeiro.