Incêndio queima vegetação há dias e já devastou 200 alqueires em Ouro Preto do Oeste

0
39

Um incêndio que vem se alastrando e a vários dias consome propriedades rurais em Ouro Preto do Oeste, preocupa agricultores e pecuaristas da região. O incêndio teria se iniciado na Linha 16 e já alcançou a Linha 20 nesta quarta-feira (9). Cerca de 200 alqueires de pasto e mata já foram consumidos pelo fogo.

Sitiantes estão unidos tentando conter o fogo que se alastra com rapidez devido aos ventos e ao capim muito seco. Aceiros vem sendo feitos nas propriedades, mas ainda assim os sitiantes temem o pior.

 

“Temos inúmeras cabeças de gado que correm risco de vida, além de benfeitorias que podem ser destruídas, como faremos para remanejar o gado numa seca desta que nem pasto tem?!”, relata um sitiante. Ele ainda afirma que já acionou as autoridades para investigar a situação, no intuito de buscar punição ao responsável pelo início do sinistro, que seria um fazendeiro, que está preparando sua terra para receber pastagem e para isso teria colocado fogo na mata derrubada, sem se preocupar que o mesmo se espalharia e atingiria as propriedades vizinhas.

É valido lembra que a queimada sem licença do órgão ambiental é tida como incêndio criminoso e é passível de punição pela Lei de Crimes Ambientais (9.605/98) com pena de um a quatro anos de reclusão. Por isso, antes de fazer uma queimada, o produtor rural deve providenciar a sua licença no órgão ambiental de sua cidade.




CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here