Fiscalização apreende carne sem origem em açougue de Ji-Paraná

OUTROS TRÊS ESTABELECIMENTOS, NOS DOIS DISTRITO, ESTÃO NA MIRA DA VIGILÂNCIA

0
102

Ao menos duas carcaças clandestinas de vaca — e portanto, impróprias para venda — foram encontradas em uma câmara fria de um açougue em um supermercado situado no Parque São Pedro, Primeiro Distrito de Ji-Paraná. O flagrante foi feito pela equipe de fiscalização da Divisão de Vigilância Sanitária (DVS), da Secretaria Municipal de Saúde (Semsau), na tarde desta última segunda-feira (13).

De acordo com Ana Maria dos Santos, a fiscalização já havia sido acionada várias vezes por consumidores, reclamando da falta de higiene do referido estabele-cimento comercial. Ao chegar ao comércio, os agentes sanitários iniciaram a vistoria e, para a surpresa de todos, encontraram dentro da câmara fria do açougue duas carcaças inteiras de vaca sem o selo de origem obrigatório. “Ficou constatado que a carne localizada não tinha proveniência comprovada e, consequentemente, constatamos ser um produto sem origem, impróprio para a venda e para o consumo”, esclareceu Ana Maria. O peso das duas carcaças passou dos 300 quilos.

Penalizado — A consequência da apreensão da carne resultou na imediata interdição do estabelecimento e ainda, foi lavrado o Auto de Infração, que pode resultar em várias penalidades, entre as quais a proibição da reabertura do açougue e multa ao seu proprietário do estabelecimento. A diretora lembrou que este local já foi alvo de denúncias em 2015. Ela acrescentou que o supermercado também estava com o Alvará de Licença vencido.

A Vigilância Sanitária informou ainda que constam outras denúncias do motivo contra açougues de supermercados nos bairro Nova Brasília, JK, ambos no Segundo Distrito, e outro no Jardim dos Migrantes, no Primeiro Distrito. Ana Maria pediu à população que colabore com o trabalho da Vigilância, denunciando qualquer tipo de irregularidade no comércio pelo telefone 3422-1456, das 7h30 às 13h30.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here