Na semana da criança, a Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Rondônia (Fhemeron) faz apelo aos adultos para aumentar o estoque de sangue tendo em vista o número significativo de crianças fazendo tratamento de quimioterapia e radioterapia e consequentemente necessitando de sangue, principalmente o hemocomponente plaquetas.

O estoque da fundação está abaixo da média dos tipos sanguíneos  O + (mais utilizado em cirurgias) e O – (considerado um sangue raro). Só para se ter uma ideia, compareceram nesta segunda-feira, até às 9h, 15 doadores voluntários, sendo que oito tinham tipo de sangue O + e nenhum doador O -.

Para manter o estoque em nível satisfatório são necessárias 150 bolsas de sangue por dia, e nas últimas semanas foram 80 apenas para atender as unidades de saúde de Porto Velho e outras regiões do estado. “Temos observado a diminuição gradativa da vinda espontânea das pessoas para doação voluntária. Isso nos preocupa muito”, destacou o diretor-presidente da Fhemeron, Sid Orleans.

A coleta de sangue é realizada em seis municípios, entre eles Ji-Paraná. 



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here