Estrada de Ferro Madeira Mamoré completou 109 anos neste domingo (1)

0
20
MATÉRIA FOI AO AR NESTE SÁBADO (31), NO TELEJORNAL DA NOITE DA REDE GLOBO RONDÔNIA

Para marcar esta data a reportagem da Globo de Porto Velho entrevistou Manoel Paixão Gomes, que começou a trabalhar na construção da ferrovia aos 15 anos de idade. Hoje, com 76, ele ainda sonha com a volta das velhas locomotivas.

Em seu depoimento ao jornalista da emissora ele narrou que trabalhava fazendo todo tipo de serviço, nivelando o terreno, roçando, capinando e até assentando dormentes, sobre os quais seriam instalados, depois, os trilhos de ferro.

Revelou também que um dos grandes problemas não era a rudeza do trabalho das 18 pessoas de sua equipe, mas os grandes enxames de insetos que lhe renderam cerca de 40 contaminações por malária, durante os sete meses em que esteve neste batente.

Manoel revelou, ainda, que andou no trem muitas vezes porque seu pai era “capataz”, mas que não gostava muito porque “tinha muita faísca” — aquelas exaladas da queima da lenha na fornalha da locomotiva “Mad Maria” e que atingiam os vagões onde estavam os passageiros. Reveja a matéria neste link abaixo:

https://globoplay.globo.com/v/9731725


Veja imagens da matéria:

 



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here