Empresários coreanos fazem visita de negócios a JPr hoje, segunda-feira (16)

0
209

Uma missão de empresários da Coreia do Sul está em Ji-Paraná, hoje (16), para se reunir com empresários da região na sede da Associação Comercial e Industrial de Ji-Paraná. Está agendada para hoje, também, visita ao Centro Tecnológico instalado na área da Rondônia Rural Show.

A vinda da comitiva coreana a Rondônia é fruto do trabalho de aproximação das relações comerciais iniciada em julho quando o vice-governador Daniel Pereira e superintendente de Desenvolvimento (Suder), Basílio Leandro de Oliveira, estiveram naquele país. Eles firmaram lá cinco protocolo de intenções comerciais com empresas de tecnologia, sistema de iluminação e monitoramento para segurança entre outros segmentos.

A contrapartida dos brasileiros são os avanços significativos apoiados pelos investimentos do Governo do Estado, com destaque para o café, piscicultura,  extrativismo com a colheita da castanha do Brasil, do açaí, e do cupuaçu. Já os avanços na área da agricultura a soja, o arroz, o milho, e a carne bovina também estão sendo apresentados aos coreanos. Integram a comitiva os empresários que atuam nos setores de iluminação inteligente em LED, com internet e câmeras de monitoramento acopladas; de investimento para sistema de iluminação, carros e motores elétricos; de  equipamentos para tratamento de água para utilização na agricultura; de monitoramento inteligente de cidade e ferrovias; e sistemas de telemedicina em hospitais e sistema de monitoramento de placas e controle de fronteiras.

Os empresários permanecem em Rondônia durante três dias. A visita começou ontem (13) em Porto Velho, com deslocamento à fazenda da Garça, onde há expressiva atividade de piscicultura. O diretor Adelio Barofaldi, do Grupo Rovema,  e o vice-governador Daniel Pereira acompanham a comitiva.

Amanhã, terça-feira (17), a comitiva será recebida pelo governador Confúcio Moura, quando os empresários coreanos terão a oportunidade de expor sobre as oportunidades de negócios que podem ser feitas entre a Coreia do Sul e Rondônia para representantes empresariais.


O mercado sul-coreano é exigente quanto aos produtos que entram em seu território, mas há uma expectativa bastante promissora principalmente com relação ao nosso Estado de Rondônia, em especial o café, segundo o vice-governador, Daniel Pereira.

Exemplo disso, é que na Coréia do Sul existem noventa mil cafeterias. Os sul-coreanos consomem a média de quase três quilos de café por ano per capita. De toda essa montanha de café anualmente consumido a presença do Brasil é muita inexpressiva.

Cingapura e a Coréia do Sul saltaram, em trinta anos, do subdesenvolvimento em que estavam para o primeiro mundo, para níveis espantosos de consumo e tecnologia, graças ao foco total na educação. Algumas marcas famosas presentes no Brasil como Hyundai, Samsung, Kia confirmam esta tese.

A Coréia do Sul é formada por uma população de aproximadamente 50 milhões de habitantes. Sua extensão territorial é um terço maior que o Estado de Rondônia.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here