Fotos: Maria Antonia  Lock

O Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência Física, registrado nesta quinta-feira (21) foi marcado em Ji-Paraná por um evento realizado na Câmara Municipal, com a presença de muitas lideranças, professores, políticos e de entidades que lidam com esta problemática. Pais e filhos também estiveram lá para ouvir as palestras e dar a sua contribuição vivida no dia a dia.

A diretora da Associação de Pais e Amigos de Especiais (Apae), Maria José, disse à Imprensa que a programação é um passo importante para dar mais visibilidade à luta das pessoas que possuem algum tipo de deficiência: “Buscamos a melhoria na acessibilidade, nos atendimentos públicos e queremos manter os direitos que já existem desde 1982, conquistados a duras penas. Hoje, nosso encontro é para fazer uma reflexão, pois ainda há muito que fazer”, enfatizou.

Oficialmente o Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência Física foi criado a partir do decreto de lei nº 11.133, de 14 de julho de 2005, embora já fosse celebrado extraoficialmente desde 1982. A iniciativa foi do Movimento pelos Direitos das Pessoas Deficientes (MDPD), grupo que debate propostas de transformações sociais em prol dos portadores de deficiência desde 1979.

O dia 21 de setembro é também o dia que antecede o início da Primavera no Hemisfério Sul e é fazendo uma referência a esta estação que foi escolhida a data como marco para celebrar a luta da pessoa com deficiência. O fenômeno da Primavera pode ser metaforicamente comparado ao renascimento e renovação da vida, assim como acontecem com as flores durante esta estação. As pessoas com deficiência são motivadas a lutarem pela construção de uma sociedade inclusiva, onde podem viver de forma igualitária e sem preconceitos.


A Organização das Nações Unidas (ONU) também institui em nível mundial o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, celebrado anualmente em 3 de dezembro desde 1992.

 


CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here