Com parceria entre governos federal, estadual e municipal, UTIs de Ji-Paraná são inauguradas

0
66

Com a presença do secretário estadual de Saúde, Fernando Máximo, os dez tão esperados leitos públicos de UTI foram inaugurados oficialmente nesta sexta-feira (11), pela manhã, nas novas instalações do Centro de Covid-19, no Hospital Municipal Claudionor Couto Roriz. As formalidades foram abertas com as palavras de orientação religiosa proferidas pelo padre Edmilson, da paróquia Nossa Senhora de Fátima.

Cinco dos leitos neste momento já encontram-se ocupados e, portanto, em pleno funcionamento. Os demais serão disponibilizados a partir desta segunda-feira (14). 

VISTA INTERNA DAS INSTALAÇÕES DAS UTIs

Em sua fala aos presentes, o secretário estadual anunciou a liberação de uma verba de R$ 1.710.000 para o custeio da manutenção dessas UTIs nos próximos meses. Segundo ele, o dinheiro já está depositado na conta da prefeitura. Ele revelou que mais recursos adicionais estão garantidos e serão repassados para garantir o bom funcionamento das unidades de tratamento intensivo. Máximo comunicou, ainda, que o governador Marcos Rocha — que não veio à inauguração, justamente porque contraiu a Covid-19 — já autorizou a instalação de outros dez leitos clínicos que se juntarão em breve à estrutura existente. 

O secretário estadual também anunciou que o governo estadual trouxe para o Centro de Covid-19 vários equipamentos que são: 20 bombas de infusão, 10 monitores multiparamétricos, sete respiradores e cinco ventiladores. Outros cinco respiradores devem chegar na semana que vem. Também foram adquiridos um grande lote medicamentos para os diversos tratamentos necessários ao combate ao novo coronavírus. “Este investimento para o tratamento não pode dispensar os cuidados de prevenção. Cada cidadão precisa fazer a sua parte usando máscara e cobrando a mesma atitude de outras pessoas”, disse em sua fala aos presentes no evento desta sexta-feira (11).

Máximo lembrou que compreende muito bem o sofrimento de quem é internado numa unidade de terapia intensiva. Ele próprio passou pela experiência ao permanecer durante dez dias na UTI do Hospital 9 de Julho, onde chegou a evoluir para a forma grave da doença e precisou, inclusive, ser intubado.


Em seu pronunciamento o senador Marcos Rogério disse que outros seis milhões oriundos de recursos federais estão sendo confiados à prefeitura de Ji-Paraná para garantir o tratamento pacientes não apenas de Ji-Paraná, mas de toda a região composta de mais 16 municípios. O senador antecipou que mais equipamentos podem ser adquiridos se foram necessários.

Em seu discurso o prefeito Affonso Cândido destacou a parceria com o senador Acir Gurgacz, com o senador Marcos Rogério e com a deputada Sílvia Cristina, com a Assembleia Legislativa e ainda com o governo do Estado para a instalação dessas UTIs. “Graças a força dos representante políticos de nossa cidade conseguimos manter em Ji-Paraná o melhor sistema de saúde do Estado e dar uma resposta positiva no combate à pandemia”, frisou.

Já o secretário municipal de saúde, Álvaro Galvão, destacou a importância e gratidão pelo apoio do Governo e reforçou que o serviço é prestado com equipe técnica treinada. “A estrutura é muito importante e as equipes foram bem treinadas”, disse, enfatizando o atendimento 24 horas, realização de exames e medicação adequada fornecida pelo governo estadual. O Hospital Municipal dispõe atualmente de 163 leitos, dos quais 22 são exclusivos para pacientes na fase inicial com coronavírus.

A OBRA DE INSTALAÇÃO DESSAS UTIs foi iniciada, na verdade, em agosto de 2017 com recursos destinados pelo senador Acir Gurgacz (PDT) por meio de emenda ao Orçamento da União. Na época ele aportou R$ 1 milhão para a construção das instalações físicas e da usina de oxigênio, R$ 800 mil para a compra de equipamentos, como maca, cama e computadores e mais R$ 2,5 milhões para aquisição de ventiladores pulmonares, bombas de infusão e custeio do hospital.

“Há cinco anos atrás já sentíamos a necessidade de ter UTIs bem equipadas aqui no Centro do Estado. A gente esperava que essa obra ficasse pronta em 2018 e trabalhamos muito para isso e assim ajudar no combate dessa pandemia”, frisou Gurgacz, em sua fala no evento desta sexta-feira (11).

A cerimônia também teve a presença do presidente da Câmara Municipal de Ji-Paraná, vereador Joaquim Teixeira; do presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Laerte Gomes; do deputado estadual Jhonny Paixão; da deputada federal Silvia Cristina; do prefeito eleito Isaú Fonseca; do diretor do HM, dr. Abrahim Chamma e da médica intensivista drª Maria Cândida. Também acompanharam a inauguração vários vereadores ji-paranaenses.

Ouça seguir a entrevista concedida pelo prefeito Affonso Cândido aos jornalistas presentes:

 

Veja fotos do evento que marcou a inauguração das UTIs públicas no Hospital Municipal de Ji-Paraná e também do momento de descerramento da faixa sobre placa oficial:



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here