A VEREADORA MARIA SIMÕES CUMPRIRÁ UM MANDATO DE CERCA DE 80 DIAS APENAS

Cacoal voltou à normalidade política depois que a posse da nova prefeita, a vereadora e 1ª vice-presidente da Câmara Municipal da cidade assumiu o cargo de prefeita, na última quinta-feira (8). A posse se deu no plenário da Câmara Municipal de Cacoal. A medida cautelar de urgência foi expedida pelo desembargador Roosevelt Queiroz Costa após a prisão da então prefeita Glaucione Rodrigues Neri e pela desistência do presidente da Câmara, Valdomiro Corá, por estar concorrendo à reeleição para vereador.

No texto, Roosevelt cita que a determinação não envolve a questão criminal em que Glaucione está envolvida, “pois o tema é pertinente ao campo eleitoral”. O desembargador reforça ainda que a prefeita segue afastada do cargo por 120 dias.

Maria Simões, que vai governar o município durante cerca de 80 dias, desistiu de tentar pela terceira vez consecutiva. A decisão do desembargador já está sendo questionada por alguns vereadores. 

CASSAÇÃO — Dez vereadores da cidade aprovaram a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) contra a prefeita afastada. Esta comissão é formada por três vereadores e tem até 90 dias para concluir o possível processo de cassação do mandato de Glaucione Rodrigues.

Depois de receber a notificação, Glaucione terá 10 dias para apresentar a defesa. Em seguida, a comissão ouvirá a versão da prefeita sobre a Operação Reciclagem, da Polícia Federal (PF). Já os três vereadores que compõem a comissão terão cinco dias para produzirem um relatório e colocarem em votação.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here