Com a saturação do mercado de dentistas, especialização se torna fundamental

0
34

Em Rondônia, atualmente, existem cerca de 4 mil dentistas. Isto sem contar os alunos que em breve sairão das faculdades para também disputar espaço nesse mercado já concorrido. Fazer um bom trabalho continua sendo fator essencial para o sucesso de qualquer profissional, mas acontece que todos estão se esmerando para tal hoje em dia. Logo, a concorrência está ainda mais acirrada.

Em meio a essa situação o profissional da odontologia se pergunta: o que fazer para me destacar no mercado? Além de seguir os requisitos básicos dos 4 P’s do Marketing (Produto, Preço, Praça e Promoção), o que tem feito a diferença para os dentistas são as especializações.

REFERÊNCIA — E é com a missão de facultar a oportunidade de dar esse passo além na profissão aos cirurgiões-dentistas é que a UNICEM Pós-Graduação, que está no mercado há dez anos e se tornou referência em especialização em odontologia na Região Central de Rondônia, tem oferecido cursos de especialização em cinco áreas, sendo em Implantodontia, Endodontia, Odontopediatria e em Prótese Dentária. Os cursos tem duração entre 18 e 36 meses.


“Fornecemos ao nossos alunos uma formação que os capacita para se tornarem profissionais de destaque no mercado. Trazemos para cá professores de renome na docência odontológica brasileira que repassam conhecimentos atualizados. Nossa estrutura também segue o mesmo padrão de qualidade com equipamentos modernos para que possam aprender a trabalhar com o que há de melhor em termos tecnológicos”, destacou Dr. Ozeias Miranda, gestor da UNICEM.

TENDÊNCIA — Um levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos, Odontológicos, Hospitalares e de Laboratórios (Abimo) aponta: o Brasil é o país onde mais se fazem implantes dentários no mundo. Sendo assim, esta tem sido uma área de especialização bastante requerida por profissionais cuja visão é atender essa latente demanda do mercado.

“Nosso curso de implantodontia tem a duração de 24 meses. Neste ano de 2019 já iniciamos nossa décima turma. A média de aluno por cada turma é de 15 alunos. Portanto, mais de 130 profissionais já passaram por nosso curso e estão no mercado fazendo a diferença”, destacou Dr. Ozeias.

“É aconselhável que os recém-formados não demore para fazer uma especialização, pois, nesse caso, estarão cumprindo com uma etapa importante. Quanto mais eles demorarem, por mais tempo estarão adiando a oportunidade de galgar o destaque desejado”, finalizou o Dr. Ozeias.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

Ainda não há comentários, seja o primeiro.