Oficialmente, as campanhas eleitorais começam nesta quinta-feira. Com isso, os eleitores poderão avaliar melhor os candidatos que serão eleitos em outubro. Neste pleito, serão escolhidos o presidente de República, governadores, senadores e deputados (federais e estaduais). A campanha diminuiu ainda mais e vai durar 45 dias.

Até outubro, os mecanismos para a propaganda eleitoral serão autorizados periodicamente pelo Tribunal Superior Eleitoral. A expectativa é de quem ficou com pouco tempo de rádio e televisão use as redes sociais para falar diretamente com a população.

Com o início das campanhas eleitorais, a estrutura dos partidos poderá funcionar das 8h às 22h, distribuindo material impresso, realizando comícios e fazendo uso de alto-falantes ou amplificadores de som, nas suas sedes ou em veículos. Nesta quinta, também começa a propaganda eleitoral na internet – permitida desde que não seja paga (impulsionada). Na televisão e no rádio, só começa no dia 31.

Em Rondônia, nove candidatos concorrem ao governo estadual: Acir Gurgacz (PDT), Maurão de Carvalho (MDB), Expedito Junior (PSDB), Charlon da Rocha (PRTB), Marcos Rocha (PSL), Pedro Nazareno (PSTU), Pimenta de Rondônia (PSOL), Valclei Queiroz (PMB) e Vinícius Miguel Raduan (Rede).

No total foram registradas 175 candidaturas, sendo que 116 disputam as 24 vagas na Assembleia Legislativa. Esses candidatos disputarão os votos dos 1.175.733 eleitores, dos quais 334.529 na capital Porto Velho. Caberá aos candidatos, por meio das propostas de trabalho, tentar reconquistar a confiança do eleitorado.


Em todo o estado, as unidades da Justiça Eleitoral já funcionam em regime de plantão por conta do início das propagandas eleitorais, nesta quinta-feira. A medida tem como objetivo facilitar o atendimento aos eleitores, aos partidos, aos advogados e à população em geral nos atos preparatórios das Eleições Gerais de 2018.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here