Câmara Municipal de Ji-Paraná decreta luto de dois dias pela morte do vereador Eder Biazatti

0
76

A Câmara Municipal de Ji-Paraná decretou luto de dois dias a partir desta terça-feira (02) em atenção ao falecimento do vereador Eder Biazatti Marques e em solidariedade aos seus familiares. Mais conhecido como ‘Éder do Sindicato (PT)’, ele foi mais uma vítima da Covid-19 em Rondônia, porque desenvolveu o estado mais grave da doença. Tinha  39 anos e estava internado na UTI do Hospital Samar em Porto Velho, onde lutava contra a Covid-19 há quase um mês. 

Natural de Capixaba, de Colatina, Éder chegou a Ji-Paraná muito novo e junto com a família passou a dedicar-se à agricultura. Ao longo do tempo, ganhou notoriedade como líder sindical e, por esta razão, foi eleito como o 12° vereador mais votado de Ji-Paraná com  673 votos.

Ele deixa a esposa Claudenea da Cruz Rodrigues e três filhas menores de idade sendo uma de 14 anos, 4 anos e um bebê de apenas oito meses. Seu sepultamento deu-se na manhã desta terça-feira, no Cemitério da Saudade, em uma cerimônia reservada apenas à família.

No dia 02 de janeiro, na Câmara Municipal, ele concedeu uma entrevista ao repórter Marcos Lock, data em que foi conferida posse oficial aos vereadores ji-paranaenses:

 


 

A vereador Cláudia de Jesus publicou uma nota em suas redes sociais sobre este lamentável acontecimento:

Amigos e amigas de nosso querido companheiro Eder Biazatti Marques.

Com pesar, informamos os detalhes para a despedida e homenagem ao nosso Companheiro. A chegada do corpo está prevista para às 10h, amanhã (terça feira). Convidamos todos aqueles/as que quiserem se despedir de nosso companheiro, a se mobilizarem em frente ao Posto localizado no final da Av. Marechal Rondon (ao lado do Taí Max).

 O cortejo sairá do Posto de Combustível e seguirá até o cemitério da saudade (2º Distrito). Pedimos que todos que puderem, acompanhem com o seu veículo. Todos devem fazer o uso da máscara e se manter dentro do seu veículo.

O sepultamento e entrada no cemitério será reservado somente à família de nosso companheiro, devido às medidas de segurança sanitária.
A dor é grande, a vontade é de nos abraçarmos para suavizar a ferida e, sobretudo, confortar os familiares, mas, a situação nos impõe a prudência. 

Contamos com a compreensão de todos!
Nosso amigo e companheiro escolheu um tema para iluminar a sua campanha política e sua missão de lutar pelo bem comum: a ESPERANÇA.

Que nos inspiremos em seu exemplo e sejamos, neste tempo tão difícil, anunciadores da esperança. Esperança de uma Ji-Paraná melhor, um Brasil melhor, um mundo melhor.

Eder amava cantar e nos alegrava com a música, com certeza, da morada do Pai, ele ficará feliz se, por aqui, seguimos cantando a vida, a esperança e a resistência: “Vence a tristeza, enxuga o pranto, ó meu povo, vem cantar um canto novo, Deus da vida aqui está!” (Zé Vicente)!
Descansa em paz,

Cláudia de Jesus



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here