Caerd começa a mapear ligações clandestinas de água em IP

0
90

A diretoria da Companhia de Águas e Esgoto de Rondônia (Caerd) está realizando uma ação que tem como principal objetivo combater as fraudes em ligações de água para imóveis residenciais, comerciais e de indústrias em Ji-Paraná. O trabalho será realizado com aparelhos que localiza o problema sem precisar causar danos na pavimentação das vias. A diretoria estima que mais de seis mil ligações sejam clandestinas.

Foram adquiridos três unidades de um equipamento denominado Graund Penetrating Radar (GPR). Um deles foi entregue em definitivo à unidade da Caerd de Ji-Paraná. Cada equipamento custou cerca de R$ 180 mil. “Em Porto Velho, com as descobertas, praticamente o equipamento já foi pago”, afirmou Fabrício Lima. O GPR consegue avaliar uma ligação até oito metros de profundidade.

A superintendente da Caerd, em Ji-Paraná, Elizabete Gago, declarou à imprensa que o município conta com mais de 22 mil ligações e que, desse total, ao menos 30% podem ser clandestinas. Ao ser constatada a fraude na rede de água em uma propriedade, o proprietário será notificado e convidado a comparecer à delegacia para prestar esclarecimentos. 



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here