‘Brincar com morte é perverso’, diz Maia após mudança em dados de Covid-19

0
22

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, (DEM-RJ), voltou a criticar a mudança do governo na divulgação dos dados sobre mortes e casos do novo coronavírus. Em uma postagem nas redes sociais na madrugada deste domingo (8), ele afirmou que “brincar com a morte é perverso” e que, ao alterar os números, o Ministério da Saúde “tapa o sol com a peneira”.

É urgente resgatar a credibilidade das estatísticas. Um ministério que tortura números cria um mundo paralelo para não enfrentar a realidade dos fatos”, acrescentou Maia no Twitter.

O Ministério da Saúde divulgou na noite de ontem dados divergentes sobre o número de novos casos e óbitos registrados nas últimas 24 horas. Em um primeiro momento, a pasta anunciou 1.382 mortes por Covid-19 no país, mas mais tarde alterou o número para 525, uma diferença de 857.

Houve ainda uma mudança no número de infectados. O primeiro balanço divulgado pelo ministério informava um total de 12.581 novos casos, contra 18.912 casos atuais.

A mudança ocorreu entre as 20h37, quando o balanço diário foi enviado à imprensa, e as 21h50, quando o site oficial foi atualizado. 


DADOS ATRASADOS —  A divulgação de dois dados completamente diferentes num mesmo dia é um novo capítulo de uma semana de polêmicas na divulgação dos dados diários do coronavírus no Brasil. Durante a semana, sem explicações prévias, o governo passou a publicar os números apenas depois das 21h30. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) chegou a ironizar que a mudança acabaria com as reportagens do Jornal Nacional.

Na sexta-feira, além do atraso na divulgação, o Ministério da Saúde passou a omitir os dados totais de casos e mortes, divulgando apenas os números registrados nas 24h anteriores. No Twitter, o presidente escreveu que “ao acumular dados, além de não indicar que a maior parcela já não está com a doença, não retratam o momento do país. Outras ações estão em curso para melhorar a notificação dos casos e confirmação diagnóstica”.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here