Audiência pública acerta retorno das aulas em Ji-Paraná para 20 de setembro

0
22

O compromisso da gestão de Ji-Paraná em promover o retorno às aulas presenciais no município a partir do dia 20 de setembro foi o principal resultado da audiência realizada nesta quinta-feira (2/9), na sede do Ministério Público do Estado (MP-RO), em Ji-Paraná. 

A atividade contou com a participação do Tribunal de Contas (TCE-RO), por meio de profissionais da Secretaria-Geral de Controle Externo (SGCE); do MP, entre as quais, a promotora de justiça Marcília Ferreira da Cunha e Castro (Educação); e do prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca, acompanhado de sua equipe de governo. 

GAEPE-RO 

A principal pauta da audiência foi a sensibilização dos gestores de Ji-Paraná no sentido da necessidade e da importância da retomada presencial das atividades escolares, já que o município era um dos poucos em Rondônia que ainda não havia previsão para a volta às aulas presenciais. 

O retorno às aulas presenciais, inclusive, já havia sido ventilado pela administração do município, durante reunião do Gaepe-RO, organismo do qual fazem parte, além do TCE e do MP, representantes de entidades ligadas à gestão tanto estadual quanto dos municípios. 


Também foi mencionada, pelas representantes do MP, a questão da defasagem, em termos de aprendizado, que os alunos da rede pública terão em relação à rede privada, além de ações que poderiam ser implementadas agora para que, mais adiante, se possa efetivamente superar os obstáculos impostos à educação, especialmente em momento tão crítico quanto o atual 

Os representantes do TCE ainda citaram ações que estão sendo implementadas, entre as quais, a avaliação diagnóstica da educação em Rondônia e o programa de formação de professores e demais profissionais da educação, em sintonia com o foco estratégico d alavancar os resultados da alfabetização na idade certa nas redes municipais de ensino. 

Foram ainda ressaltadas as danosas consequências da interrupção prolongada das aulas (como a evasão e o abandono escolar), assim como a necessidade de que a retomada das aulas pelo município se dê de forma planejada, em atendimento a todas as normas definidas pelas autoridades sanitárias. 

Ao final da audiência, o prefeito Isaú Fonseca e a secretária de Saúde, Vanessa Oliveira, assumiram o compromisso de efetivar as medidas necessárias visando o retorno às aulas presenciais em nove escolas do município, a partir do dia 20 de setembro.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here