Associação alerta: Covid-19 saturou sistema de saúde em PVh e avança para o interior

0
22
O ADVOGADO CAETANO NETO E PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DE DEFESA DOS DIREITOS DA CIDADANIA (ADDC)

Em Porto Velho, o sistema de saúde Estadual ruiu, colapsou e pior, o COVID 19, é dado como certo, avança para o interior, onde. na grande maioria das cidades,  não tem UTI’s para assegurar minimamente atendimento nos casos do coronavírus que implique internação, diz o advogado Caetano Neto e presidente da Associação de Defesa dos Direitos da Cidadania (ADDC). 

Caetano salienta: “O Cemetron – Centro de Medicina Tropical e Rondônia registra, desde a última sexta feira(01/05) lotação de suas unidades no atendimento do COVID 19 e os números de pacientes cresce assustadoramente, e pior, a Sesau não consegue apresentar ações e providências  que apontem para esse enfrentamento  da pandemia,  o que veremos nas próximas horas, infelizmente, é gente que precisa de atendimento e não consegue entrar no sistema de saúde e mais grave é assistir o Dr. Fernando Máximo se fechar em uma “redoma” de ações, atos e reserva financeira, pois dos seus esclarecimentos na ALE recentemente sobre atos e ações da pasta, deveria ter recebido daquela Casa de Leis a devida aplicação do parágrafo único do artigo 29 da Constituição Estadual e ser declarado, por dois terços de seus membros, a declaração da perda do cargo por inabilitação.”

A entidade, foi a primeira em Rondônia a denunciar “fraude” em 47 decretos de emergência e calamidade no Estado, que a despeito de não haver sequer um suspeito de coronavírus naquele município, gestores fizeram uso do expediente  protegido pela exceção e nada produziram em  investimentos para evitar possíveis mortes mas preferiram o caminho apenas da recomendação e  informação a sua população e nada mais.

“Agora é hora dos prefeitos e prefeitas, deixarem o holofote midiático e partir para ações preventivas com instalação de equipamentos, equipes médicas e profissionais da área, visando salvar vidas, já que, nenhum recanto desse Estado está livre do COVID19”, ressaltou Neto.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here