TRIBUNAL DE CONTAS BUSCA, ENTRE OUTROS OBJETIVOS, DEMOCRATIZAR O ACESSO DE CANDIDATOS A CARGOS EM COMISSÃO

A comissão instituída pelo Tribunal de Contas (TCE-RO) para a realização de processos seletivos para cargos em comissão divulgou o Chamamento nº 05/2017, destinado ao preenchimento do cargo de assessor técnico, código TC/CDS-5, para atuar em unidade vinculada à Presidência.

Publicado na edição nº 1.411 do Diário Oficial eletrônico do TCE, que circula nesta quarta-feira (14), o chamamento define todas as regras da seleção. Nesse sentido, o item 5, que trata do perfil técnico e comportamental, exige que o interessado seja bacharel em direito, com experiência mínima de três anos de atuação nos cargos de assessor de conselheiro, de magistrado ou de procurador do Ministério Público.

As inscrições estarão abertas a partir das 7h30 de segunda-feira (19), prolongando-se até as 13h30 da terça-feira (20). Para tanto, os interessados deverão preencher o formulário eletrônico específico disponível neste link.

O processo seletivo consistirá de cinco etapas, com convocação apenas por meio eletrônico: análises de currículo e de memorial, prova teórica e prática, avaliação de perfil comportamental e entrevista técnica. As etapas serão realizadas nas datas previstas no anexo I do cronograma do edital do processo seletivo.

A remuneração do cargo de assessor técnico é de R$ 11.168,73, já incluídos os auxílios.

Com a realização do processo seletivo, o Tribunal de Contas busca, entre outros objetivos, democratizar o acesso de candidatos a cargos em comissão, garantindo os princípios de meritocracia e impessoalidade no procedimento de nomeação e valorizando os servidores.

Ainda não há comentários, seja o primeiro.