WALDIR COSTA – Aliança para o Brasil está se organizando em Rondônia

0
23

2022 – AS eleições gerais (presidente da República, governadores e respectivos vices; uma das três vagas ao Senado, Câmara Federal e Assembleias Legislativas) de 2022, parecem distantes, mas estão a um ano e dez meses. Por isso já ocorrem movimentações nos bastidores da política, pois como ficou demonstrado nas eleições de novembro deste ano, que elegeram prefeitos, vices e vereadores, adiadas de outubro devido a pandemia, o tempo para campanha é curto, a maneira de fazer campanha mudou e hoje a dependência é enorme dos sites eletrônicos, redes sociais e alguns debates nas redes de TV de maior audiência. O corpo-a-corpo, as reuniões localizadas vão perdendo espaços para a eletrônica.  

2022 II – Antes de o governador Marcos Rocha (Sem Partido) ser eleito em 2018, a capital não elegia um chefe de Estado desde o período de Oswaldo Piana, que governou Rondônia no período de 1991/94, quando Valdir Raupp se elegeu.  Depois de Raupp, foi eleito Ivo Cassol (dois mandatos seguidos) e Confúcio Moura, também durante dois mandatos consecutivos. A hegemonia do interior na governadoria do Estado terminou com a eleição, surpreendente, na época, de Rocha, após superar o ex-deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa (Ale), Maurão de Carvalho (MDB), terceiro colocado, por 10.001 votos. No segundo turno Rocha superou, até com facilidade, em grande parte devido ao efeito Bolsonaro, ao ex-senador Expedito Júnior (PSDB), considerado favorito e que tinha vencido o primeiro turno.  

PSDB – São vários os nomes de políticos de ponta para concorrer ao governo do Estado em 2022. Na OPINIÃO postada no último sábado (12), aqui no RONDONIA DINÂMICA, vários nomes foram apontados como prováveis candidatos à sucessão estadual em 2022, da capital e do interior. Mas dentre os partidos citados, o PSDB é o que está mais bem servido de pré-candidatos, ao cargo, hoje ocupado pelo coronel Marcos Rocha. Além do ex-senador Expedito Júnior, os tucanos têm a presidente regional do partido, deputada federal Mariana Carvalho, e a maior “estrela” do partido, hoje, o reeleito prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, para concorrer à sucessão de Rocha. O partido deverá definir entre os três, quem concorrerá ao governo, Senado e Câmara Federal. Acreditamos que Expedito deverá disputar o Senado, Hildon o governo e Mariana à reeleição.  

Aliança – O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vem organizando o seu partido, o Aliança para o Brasil, que não ficou legalizado paras as eleições deste ano, mas certamente marcará presença em 2022. Em Rondônia já é grande a mobilização de militantes do partido. O advogado e ex-vereador de Ji-Paraná, Linconl Astrê e o professor Salatiel Pereira, que foi candidato a vereador em Seringueiras este ano, estão percorrendo municípios promovendo filiações e preparando o novo partido para concorrer nas eleições gerais de 2022. Desde a última semana que Astrê e Salatiel estão visitando a região ao longo da BR 429, filiando pessoas no partido, trabalho que será intensificado a partir do próximo dia 2 de janeiro.  

Cacoal – Estamos a pouco mais de duas semanas para que prefeitos, vices e vereadores, eleitos e reeleitos em novembro último, sejam empossados para um mandato de 4 anos. Mas a movimentação para escolha das futuras mesas diretoras das câmaras municipais é enorme na maioria dos municípios, como em Cacoal, onde três nomes estão em condições de assumir a presidência a partir de janeiro próximo. Segundo o jornalista-proprietário do jornal (impresso-eletrônico) Antônio Perin, na mais recente coluna “Boca Maldita”, da última semana, João Paulo Pichek (Republicanos), Paulinho do Cinema (PSB) e Romeu (da Farmácia) Moreira, do DEM disputam o cargo. Correndo por fora, mas também com chances estaria o jovem jornalista e advogado, Paulo Henrique, do PTB. Com a proximidade da posse e eleição da nova Mesa Diretora, no próximo dia 1º, os bastidores estão fervilhando na política da Capital do Café.  


Respingo  

Parabéns ao empresário Marcio Raposo, de Ariquemes, proprietário da rede de lojas Novalar, com filiais em várias cidades do Estado. Hoje (14) está sendo inaugurada a primeira filial da sua empresa em Porto Velho, no cruzamento das ruas D. Pedro I e Marechal Deodoro, área central da capital +++ Márcio já foi vice-prefeito e prefeito de Ariquemes, mas hoje está afastado da política e cuidando dos seus negócios. Bom para Porto Velho, que ganha mais uma loja de eletrodomésticos +++ Amanhã (15) é o último dia para os candidatos (eleitos ou não) que disputaram as eleições de novembro último a prefeito, vice e a vereador apresentem suas prestações de contas à Justiça Eleitoral. Até o dia 18 ocorrerá a diplomação dos eleitos pela Corte Eleitoral +++ O transporte coletivo em Porto Velho vem agradando os usuários, devido aos ônibus novos, confortáveis, com ares-condicionados e internet. O sistema que avisa em painel eletrônico cada parada do veículo também ocorre, através de áudio, o que alerta os passageiros sobre o próximo local que o veículo irá parar. 



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here