Ministro da Saúde reúne-se com Marcos Rocha para saber de ações de combate ao coronavírus

0
10

Com intuito de conhecer a realidade de cada região para que as melhores experiências no combate ao coronavírus sejam levadas para todo o país, o ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, esteve na Capital rondoniense, Porto Velho, na tarde de segunda-feira (15), quando foi recebido pelo governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha. Durante a estada, foi realizada uma breve explanação das ações que o Estado está desenvolvendo para combater a Covid-19 e um balanço do atual quadro das medidas.

O ministro também pontuou que triagem, diagnóstico clínico e medicação necessária e orientada o quanto antes são medidas que estão sendo colocadas em prática na guerra contra o coronavírus. Ele desembarcou na Base Aérea de Porto Velho juntamente com a comitiva que incluía o vice-governador do Acre, major Wherles Rocha. Após ser recebido pelo governador Marcos Rocha, houve o deslocamento para o Palácio Rio Madeira, visando uma rápida reunião que possibilitou um acompanhamento das ações desenvolvidas pelo Estado no enfrentamento à Covid-19.

Antes, o ministro esteve no vizinho estado do Acre, quando participou da  inauguração do hospital de campanha de Rio Branco, que conta com recursos do governo federal e faz parte do conjunto de ações daquele Estado.

Em recente entrevista a um portal de notícias,  o ministro enfatizou que faz parte do trabalho do Ministério da Saúde acompanhar as ações regionais visando fortalecer as estratégias do governo federal para que essa pandemia chegue ao fim com menos impactos negativos à saúde. Uma das medidas citadas, é a importância de se iniciar o tratamento contra a Covid-19 nos primeiros sintomas com a medicação antes que o quadro se agrave, alegando que Rondônia está à frente nesse quesito.

O governador Marcos Rocha, que esteve ao lado da primeira-dama e secretária da Seas, Luana Rocha, lembrou que o Estado tem recebido vários ministros e, inclusive, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, que já esteve duas vezes em Rondônia, somente este ano.


A reunião no Palácio Rio Madeira contou também com a presença do secretário de Estado da Saúde, Fernando Máximo, que fez uma explanação das medidas, até o momento, adotadas para combater a propagação da Covid-19. O ministro defende que quanto mais local de triagem tem, melhor.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here