A vereadora Silvia Cristina (PDT) de Ji-Paraná, recém-eleita deputada federal com mais de 33 mil votos, anunciou nesta terça-feira (9) que já se decidiu quanto aos candidatos em que ela votará para governador e presidente, neste segundo turno das eleições.

Ela viaja esta semana para Brasília onde participará de uma reunião do Partido Democrático Trabalhista (PDT), quando  será decidido em quem a legenda apoiará , se Haddad (PT) ou Bolsonaro (PSL). Silvia renunciará ao cargo de vereadora em janeiro, e em seu lugar assumirá o suplente, Jessé Mendonça.

Votação

Ao sair do plenário do Poder Legislativo, Silvia Cristina disse à Imprensa que a votação obtida para se eleger é apenas a concretização de um sonho dela nesta campanha. “Não peço quantidade de votos, apenas o suficiente para que pudesse representar a minha cidade, o meu estado no plenário da Câmara Federal”, declarou. Ele fez um breve balanço da campanha dizendo que mesmo sem recurso conseguiu surpreender muitos outros candidatos com poder de recurso financeiro maior que ela, e mesmo assim, chegou ao seu objetivo. “Nem sempre o dinheiro manda, apesar de ajudar muito”, concluiu.

A deputada federal eleita com mais de 33 mil votos, ainda reafirmou o seu compromisso de continuar trabalhando de uma forma mais intensa na área da Saúde. Para ela, se faz necessários importantes mudanças neste setor do país, para que pessoas com menos poder aquisitivo consigam obter os benefícios necessários, no momento de maior precisão. “Estarei em Brasília trabalhando pela nossa cidade, estado e país. Quero voltar daqui a quatro anos, e novamente, poder ser reconhecida pelo trabalho desenvolvido neste novo desafio da minha vida”. Ela finalizou agradecendo o apoio que teve da população, comerciantes, empresários, colegas de partido e principalmente da executiva estadual do PDT.




CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here