Hoje, 25 de maio, é comemorado o Dia Nacional da Adoção, data que existe para para lembrar da importância que é o acolhimento de crianças e adolescentes por novas famílias. De acordo com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), mais de 12 mil adoções já foram realizadas no Brasil. O número consta no Sistema Integrado do Cadastro Nacional de Adoção (CNA). Atualmente, o sistema possui mais de 45 mil interessados em adotar e cerca de 9 mil crianças e adolescentes à espera de uma nova família.

No entanto, muitos desafios atrapalham a efetividade nos processos de adoção no Brasil, entre eles: a incompatibilidade entre o perfil desejado pelos pretendentes e a realidade das crianças e adolescentes cadastrados, além da burocracia e morosidade dos processos de adoção, que demandam tempo e investimento financeiro. De acordo com o CNA, do total de crianças e adolescentes disponíveis para adoção, 67,6% têm entre sete e 17 anos, 55% têm irmãos e pelo menos cerca de 25% possuem algum problema de saúde.

Uma iniciativa aprovada em 2017 pelo Congresso Nacional deu celeridade aos processos de adoção no Brasil, reduzindo os prazos para reavaliação após o acolhimento familiar de seis para três meses e priorizando o cadastro de pessoas interessadas em adotar crianças e adolescentes com deficiência, doença crônica ou grupo de irmãos. Neste ano o CNJ lançou a campanha #AdotarÉAmor no Facebook, Twitter e Instagram, uma forma de incentivar a adoção.

Veja a seguir 15 famosos do Brasil e do exterior que praticaram  o ato de amor da adoção dando grande exemplo à sociedade:

Giovanna Ewbank e Bruna Gagliasso

O casal de atores, casados desde 2010, adotaram a pequena Titi após uma viagem a trabalho que Giovanna fez para o Malawi, no sul da África. Segundo ela, foi amor à primeira vista. O processo de adoção também foi longo e foi mantido em segredo durante todo o tempo.


Silvio Santos

O apresentador tem duas filhas adotivas: Silvia e Cíntia, que é mãe do ator Tiago Abravanel. As meninas foram adotadas por Silvio Santos e Maria Aparecida Abravanel, a primeira mulher do dono do SBT

Regina Casé

A apresentadora já é mãe da Benedita, que está com 27 anos. Mesmo assim, em 2013, resolveu adotar o pequeno Roque, que tinha cinco meses na época. O processo demorou um ano para ser concluído e foi celebrado pela família. “Chegou Roque Casé Ciavatta! Somos pai e mãe novamente”, comemorou Regina

 Maria Padilha

Aos 56 anos, a atriz decidiu adotar Manoel, que na época tinha cinco meses. “Olho para ele e acho parecido comigo. É como se ele tivesse nascido de mim naturalmente”, conta a atriz. O pequeno já está com quatro aninhos.

Leandra Leal

A atriz adotou Júlia, que tem dois anos, e falou sobre o poder da maternidade em sua vida. “Ela me adotou como mãe e isso é muito transformador”, contou em entrevista ao amigo e ator Lázaro Ramos. “O que eu procuro é  que ela seja uma mulher forte e que seja uma guerreira como toda mulher Leal”, completou.

Glória Maria

A jornalista Glória Maria tem duas filhas do coração: as irmãs Maria e Laura. A apresentadora do Globo Repórter não tinha a intenção de adotar quando conheceu as pequenas. “Eu não escolhi. Foram elas que me escolheram. Elas me elegeram no meio de um monte de crianças do abrigo, todas carentes e querendo atenção. Eu sou muito religiosa e tenho uma fé enorme. Então, eu digo: foi coisa de Deus”, contou em entrevista.

Gal Costa

Por conta de uma obstrução nas trompas, a cantora não poderia engravidar. Gal passou a pensar em adoção quando viu uma reportagem na TV sobre uma criança jogada em uma lagoa. Para saber mais sobre adoção, aconselhou-se com a amiga Glória Maria. Tanta curiosidade sobre o assunto resultou na chegada do pequeno Gabriel. “Ele mudou a minha vida! Hoje, eu sou mais feliz!”, contou em entrevista ao Programa do Jô.

Elba Ramalho

A cantora adotou três meninas que, curiosamente, se chamam Maria. No Encontro com Fátima Bernardes, ela falou sobre a relação com Maria Clara, Maria Esperança e Maria Paula: “não há distinção na maneira de tratar meu filho de barriga, Luã, e as três. A adoção é um ato de amor”.

Drica Moraes

A atriz tentou ter filhos por inseminação artificial, mas não conseguiu. Após passar quatro anos na fila de adoção, Drica recebeu o pequeno Mateus. Ela tinha 39 anos na época. “Não tem diferença entre um filho biológico e adotivo, o amor se constrói no dia a dia. Quem tem o desejo de ser mãe deve ingressar o mais cedo possível”, contou em entrevista no Domingão do Faustão, da Rede Globo.

Daniela Mercury

Em 2013, após se casar com a jornalista Malu Verçosa, a cantora adotou três meninas: Ana Isabel, Ana Alice e Márcia. Daniela já era mãe biológica de Giovana e Gabriel. Para ela, adotar era seu “plano desde  o começo da vida”.

Astrid Fontenelle

A apresentadora adotou o filho Gabriel com apenas dois meses, em 2008. O pequeno é presença garantida nas redes sociais de Astrid, que não se acha melhor do que ninguém por ter adotado uma criança. “O fato de eu ter adotado parece que me transformou em uma pessoa melhor. Não fiz caridade. Eu queria ter um filho e este foi o melhor método para mim”, comentou

Sharon Stone

Quando era casada com o jornalista Phil Bronstein, a atriz adotou o menino Roan Joseph. Separada, Sharon ainda adotou mais duas crianças entre 2005 e 2006, Larid e Quinn.

Madonna

A cantora também tem dois filhos do coração. Ela é mãe de David Banda e Mercy James, crianças vindas do Malawi, o mesmo país africano de Titi, filha de Gagliasso e Giovanna. Madonna ainda tem dois filhos biológicos, Rocco e Lourdes Maria.

Angelina Jolie e Brad Pitt

O ex-casal formou uma grande família com três filhos biológicos e três adotados. Ainda solteira, Jolie adotou Maddox, do Camboja, em 2002. Já casada com o galã de Hollywood, eles adotaram ainda a menina Zahara, da Etiópia, e o menino Pax Thien, do Vietnã.

Sandra Bullock

A atriz é mãe adotiva de duas crianças: Louis, de 6 anos, e Laila, hoje com 4 anos. O primeiro foi adotado em 2010 e a menina em 2015, após uma longa espera de três anos. “Posso te dizer que as crianças perfeitas chegaram a mim no momento perfeito”, comemorou ela em entrevista para revista americana People.



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here